Dados de estudos clínicos sugerem que quase um terço das mulheres com endometriose não respondem a esse tipo de medicação com alívio da cólica.

Um estudo realizado por Mishra et al. do Instituto Nacional de Pesquisa em Saúde Reprodutiva, Mumbai, Índia,   caracterizou as mudanças na expressão de receptores de hormônios esteróides (estrógeno e progesterona) nas células dos focos de endometriose, que  foram induzidos cirurgicamente em camundongos fêmeas.  Os autores encontraram uma proporção inadequada dos receptores de hormônios esteróides de acordo com o tipo de endometriose criada (leve ou profunda).

Os autores acreditam que a sensibilidade do tecido endometriótico aos hormônios esteróides pode ser individual explicando os diferentes resultados no uso de contraceptivos orais para o tratamento clínico da endometriose.

0 replies

Leave a Reply

Gostaria de comentar?
Sinta-se livre para participar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *